Marcopolo lança cinco ônibus

A despeito da conjuntura político-econômica por que passa o país, a maior fabricante nacional de carrocerias para ônibus, a Marcopolo, acaba de apresentar cinco novos modelos no mercado nacional. A estratégia da empresa é a de aproveitar o momento de baixa demanda para lançar veículos mais modernos, seguros e confortáveis e tentar, desta maneira, estimular seus clientes a adquirirem esses ônibus diferenciados, para obterem mais eficiência e produtividade em suas frotas.

No segmento de urbanos, o Torino, líder de vendas entre os modelos urbanos da Marcopolo, chega em três novas versões: o Torino Express, o Torino Low Entry (piso baixo) e o Torino com motor traseiro. Para o nicho de veículos intermunicipais, a empresa apresenta o Novo Ideale e na família de rodoviários Geração 7 (G7), introduz o modelo Paradiso 1350.

O Marcopolo Paradiso 1350 destaca-se pelo amplo espaço para bagagens, com 1.350 cm de saia lateral e uma das maiores capacidades volumétrica do mercado, com mais de 20,5 metros cúbicos. O interior do veículo recebeu modernas poltronas com 1.060 mm de largura, porta-focos e toalete, e , segundo a empresa, foi desenvolvido especialmente para atender às necessidades dos operadores em viagens de média e longa distâncias.

O Paradiso 1350 chega para completar a família de rodoviários da Geração 7 (G7) da Marcopolo, composta pelo Viaggio 900, Viaggio 1050, Paradiso 1050, Paradiso 1200, Paradiso 1600 Low Driver e Paradiso 1800 Double Decker. Segue os mesmo padrões de  de conforto, segurança e ergonomia da linha G7, além de um acabamento futurista e design arrojado.

Já o Novo Ideale integra a linha de ônibus rodoviários e intermunicipais da encarroçadora gaúcha, e incorpora um apelo maior pelo conforto, design e facilidade de operação. O foco deste modelo é a aplicação nos segmentos de linhas intermunicipais e fretamento, e nas linhas regulares de média e curta distâncias.

A carroceria é 50 mm mais larga que a do Ideale atual e ganhou um novo design, com lâmpadas Led nas luzes de direção, nova grade dianteira com padrão “colmeia”, grades inferiores do para-choque dianteiro injetadas e farol de neblina como opcional.

A família de urbanos da Marcopolo foi reforçada com o lançamento do Torino Express, Torino Low Entry e Torino Motor Traseiro. “O objetivo é oferecer aos nossos parceiros a melhor solução, de acordo com as características do seu negócio/serviço. Desde o consagrado Torino com motor dianteiro, o modelo de menores custos de aquisição e operação, até o Torino Express articulado, com capacidade para mais de 130 passageiros”, diz Paulo Corso, diretor de operações comerciais da Marcopolo.

O Novo Torino Express Articulado tem de 20 a 23 metros de comprimento e é direcionado tanto para o padrão de vias segregadas básicas quanto para sistemas BRT (Bus Rapid Transit). O modelo recebeu tecnologia aplicada para maior funcionalidade, conforto e segurança, com sistema Multiplex (funções conjugadas de todos os equipamentos do ônibus) redesenhado, painel de instrumentos com tela colorida de LCD de 3,5 polegadas e sistema de ar-condicionado opcional. Também conta com novos conjuntos óticos traseiro e frontal que incluem luz diurna, que proporciona mais segurança no trânsito urbano.

O aumento da largura interna, para 2,55 metros, proporciona um espaço mais amplo para circulação, mais conforto aos que operam o veículo e segurança. Internamente, possui iluminação em Leds, poltronas modelo City ergonômicas, com novos apoios de cabeça (opcional), que facilitam a movimentação dos passageiros, e a opção de poltronas com encosto alto.

Do ponto de vista da acessibilidade, o Torino Express oferece cinco poltronas preferenciais para idosos, gestantes e/ou portadores de necessidades especiais, elevador automático e espaço dedicado para cadeirantes. Está equipado com um novo sistema de campainha com acionamento de chamada de parada por botão (sem fio).

Para proporcionar maior conforto térmico e acústico, o modelo possui insuflador de ar para o motorista e o cobrador, e um novo janelão com sistema de captação de ar mais eficiente. A posição do motorista também foi redesenhada e recebeu uma ampla área para o painel de controle, além de console com porta-objetos.

No salão de passageiros, o veículo ganhou nova decoração e novo assoalho dividido em painéis removíveis. Os pés das poltronas são do tipo cantilever, que permitem a realização de reparos no piso sem a necessidade de remoção das poltronas. O resultando é o menor custo de manutenção e facilidade de limpeza, que também se aplica em todos os revestimentos da carroceria.

Já o Novo Torino Low Entry tem concepção robusta, promete elevada confiabilidade e melhor relação custo/benefício. De acordo com as informações da empresa, o modelo atende a todas as exigências dos sistemas de transporte existentes no País e no exterior. É equipado com suspensão pneumática e piso baixo, o que facilita o acesso para todos os passageiros, sem a necessidade de elevador, e proporciona maior velocidade nas operações de embarque e desembarque, inclusive de passageiros com mobilidade reduzida e cadeirantes.

Tem 13,3 metros de comprimento e largura de 2,60 metros, o que possibilita a colocação de mais poltronas, sem perda da área de circulação e do espaço interno. Este modelo foi concebido para aplicação em modernos sistemas de transporte coletivo em grandes centros urbanos. Tem capacidade para transportar até 90 passageiros, sendo 49 sentados e 41 em pé. Conta com poltronas preferenciais para portadores de necessidades especiais, idosos e/ou gestantes, uma poltrona para obeso e um posto para cadeirante.

Opcionalmente, esta versão pode ser equipada com sistema de ar-condicionado, poltronas com encosto de cabeça, descansa-braços e descansa-pés, e lixeiras no salão de passageiros. Está preparado para receber sistema de gerenciamento de frota, sistema de iluminação interna em Leds e equipamentos audiovisuais com dois monitores de 19 polegadas em LCD e sirene de marcha a ré.

O outro novo urbano, o Novo Torino com motor traseiro, possui as mesmas características técnicas do Novo Torino com motor dianteiro, mas apresenta como diferencial um melhor conforto termoacústico. A Marcopolo desenvolveu para este modelo um novo sistema de isolamento do cofre do motor que, aliado ao seu posicionamento na parte traseira, reduz sensivelmente o nível de ruído interno e também a temperatura ambiente do salão de passageiros.

Por ter piso baixo, o Novo Torino Motor Traseiro facilita o acesso dos passageiros, sem a necessidade de instalação de elevador para os usuários com mobilidade reduzida ou cadeirantes.

 

 

Veja também

Por