Maplink compra a francesa Optilogistic

Para acelerar seu plano de passar a ser relevante na oferta de soluções para o mercado de logística, a Maplink, empresa brasileira de tecnologia em geolocalização, adquiriu a francesa Optilogistic, especialista no desenvolvimento de soluções de logística para o mercado Europeu.

“O principal motivo da aquisição feita pela Maplink foi que vimos na Optilogistic uma tecnologia bem interessante e que poderia acelerar um plano que temos desde 2013, de passarmos a ser relevantes na oferta de soluções para o mercado de logística”, declara Frederico Hohagen, diretor geral da Maplink. O investimento, além de complementar o portfólio da Maplink, transfere para a carteira da companhia mais de 60 clientes na Europa, América Latina, Estados unidos e África.

Com 16 anos de atividade, a Maplink sempre esteve às voltas com projetos que envolviam geolocalização, projetos de roteirização e otimização de percursos, mas a empresa buscava fazer uma oferta mais completa nesse sentido. Passou um período estudando o desenvolvimento interno de ferramentas, mas isso talvez custasse mais caro e demorasse mais tempo do que a compra de uma empresa ou um parceiro já consolidado no mercado, que pudesse ajudar a acelerar a entrada da empresa nesse segmento.

“O principal benefício que vemos no processo de aquisição é trazermos uma tecnologia já bastante conhecida. A Optilogistic foi fundada em 1992, já é antiga na questão de software para logística”, justifica o diretor. “Ela tem clientes na Europa e na América Latina, então, vimos uma possibilidade bastante interessante de acelerar, com uma boa tecnologia, a nossa entrada em ofertas um pouco mais complexas para o mercado de logística envolvendo software. Conseguimos acelerar nossa entrada no mercado com um produto já vencedor e expandir nossos negócios para uma região onde ainda não atuávamos”, explica.

O produto vencedor a que ele se refere é o software Axiodis da Optilogistic. Desde setembro, quando foi concluída a aquisição, toda a oferta da Maplink já oferece algum pacote de soluções do Axiodis.

Para a concretização de todo esse projeto, a Maplink teve que montar uma estrutura de holding na Europa. Hohagen afirma que nada vai mudar para os clientes da Optilogistic, que continuarão tendo as soluções que eles já usavam e ainda com melhorias na questão de cobertura. “Hoje, a Optilogistic opera como uma butique, ela entrega entre cinco e dez grandes projetos por ano. O que queremos fazer, colocando investimento, é transformar essa possibilidade e fazer centenas de projetos por ano”, antecipa.

A Optilogistic é uma das líderes mundiais em logística no segmento de laticínios e especialista em agronegócios, com clientes pela Europa, África, América do Norte e América Latina. Suas tecnologias desenvolvem soluções para atender às complexidades dos processos logísticos das empresas, que vão desde o planejamento de distribuições e consultoria logística até a implementação e treinamento para uso dos serviços. A empresa já tinha clientes no Brasil, na área de laticínios, por exemplo. Na Europa, o escritório da empresa fica na cidade de Angers.

Segundo informações da empresa, nos últimos dois anos, a Maplink dobrou de tamanho em receita e já tem 30% do seu faturamento fora do Brasil. Com a aquisição, o faturamento poderá dobrar novamente este ano e mais de 50% da receita talvez venha do exterior. “A aquisição possibilitará um intercâmbio de produtos, tecnologias e expertise que tornarão as operações dos clientes mais eficientes, além de trazer para o Brasil uma tecnologia superior ao que existe atualmente em nosso mercado. ”

Veja também

Por