Um sopro de beleza e alegria

Harmonia, elegância e facilidade de identificação, além da eficiente promoção das marcas, produtos e serviços, caracterizam os trabalhos premiados em 2018

A 49ª edição do Concurso de Comunicação Visual e Pintura de frota, promovido pela revista Transporte Moderno, premia os melhores trabalhos do transporte brasileiro.

No segmento de Transporte rodoviário de Passageiros, a primeira colocada é a Viação Santa Cruz, de Mogi Mirim, interior paulista. O projeto da Guarupass, de Guarulhos, na Grande São Paulo, é considerado o melhor no setor Metropolitano de Passageiros; e a TGA Logística, de São Paulo, é a escolhida na categoria de Transporte de Cargas. Os primeiros colocados são premiados durante o evento Maiores do Transporte e Melhores do Transporte, realizado anualmente pela editora.

O segmento rodoviário de Passageiros contou com o maior número de trabalhos inscritos, com 22 empresas concorrentes.

Nesta categoria, fica com o segundo lugar a Auto Viação 1001, empresa do grupo JCA, de Niterói, rio de Janeiro, enquanto a reunidas Transportes Coletivos, de florianópolis, Santa Catarina, está na terceira colocação. A menção honrosa vai para a Viação Garcia, de Londrina, no Paraná.

Os trabalhos são avaliados em diversos aspectos, como estética, originalidade e atualidade, segurança, praticidade, identificação da marca e promoção dos serviços e produtos oferecidos.

A Viação Santa Cruz, vencedora na categoria, apresentou um projeto desenvolvido por Lourenço Costa, consultor de marcas da Louren Costa Design Estratégico. O novo design marca os 60 anos de história da empresa. “É importante destacar que o projeto Santa Cruz não foi apenas um design de uma nova pintura para a frota de ônibus, mas principalmente um projeto de reposicionamento de marca para revigorar e alinhar a imagem da viação com a realidade da atual geração de passageiros de transporte rodoviário”, diz Costa.

O logotipo, que fica nas laterais dos veículos, permite a identificação da marca, mesmo a longas distâncias.

De acordo com Costa, a Santa Cruz precisava se modernizar e se tornar mais conhecida e atraente na percepção dos novos usuários. “O resultado foi uma linguagem visual mais jovial, moderna e impactante, que, além da pintura da frota, se estendeu para todas as peças de contato da empresa, tais como agências e guichês, uniformes dos motoristas e demais colaboradores, passagens, interior dos ônibus, comunicação interna da companhia, redes sociais”, explica.

O vermelho, que é a cor já tradicional da Viação Santa Cruz, foi mantido. “Acompanha a empresa nos seus 60 anos de trajetória. O vermelho também é uma cor energética, e energia era o que a marca estava mais precisando para se revigorar e se destacar no mercado. Portanto, usamos o vermelho como predominante da nova identidade visual, seguido da cor prata, que tem a função de expressar tecnologia e modernidade. O novo logotipo veio impactante, com o propósito de restaurar o nome Santa Cruz, oferecendo mais poder e legibilidade à marca com movimento e positividade, de forma que quando um ônibus da frota fosse visto à distância, a companhia poderia ser identificada com facilidade. As curvas gráficas presentes na pintura foram compostas para dar leveza e um tom jovial e moderno para o contexto”, conta Costa.

RENOVAÇÃO – A Auto Viação 1001 apresentou uma nova pintura para os ônibus double decker, pensada para transmitir a ideia de originalidade com elegância. “O design promove uma estética de personalidade, característica bastante valorizada pela 1001. A primeira grande mudança está na base da cor de chumbo, diferenciando-se da branca que era utilizada até agora. A cor contrasta com a marca 1001 em vermelho, valorizando e facilitando a leitura pelo usuário, mesmo à distância”, diz Luiz Misse Mota, da Missemota Arquitetura & Design, responsável pelo projeto. “A nova onda é mais sutil, tanto na cor quanto na estética mais clássica que a anterior. As tarjas em azul e vermelho, cores originais da marca, são a base da assinatura da empresa nas laterais do veículo”, complementa.

Em 2020, a reunidas Transporte Coletivo completa 70 anos. Em 2017, com intenção de mostrar ao mercado as grandes mudanças que ocorreram na empresa, foi criado um novo branding da marca. “Os princípios que nortearam a marca, até agora, foram mantidos. As asas ganharam volume, movimento e profundidade. O símbolo simétrico foi redimensionado e a logotipia foi modificada para manter a facilidade de leitura com mais leveza. As cores originais, vermelho e azul, foram mantidas, mas as asas adotaram tons de cinza”, conta Misse Mota, também responsável pelo projeto.

Segundo o designer, o objetivo da empresa, que ficou em terceiro lugar na categoria, é promover um serviço diferenciado por meio de um projeto, destacando os veículos que são utilizados para esse fim por meio de um projeto de comunicação visual que se sobressai em meio à frota regular. “O maior impacto se dá na nova frota, que hoje exibe uma pintura de personalidade, embora seja composta por poucos elementos: as grandes asas, a assinatura reunidas e o traço vermelho que vibram ao refletir as luzes dos veículos à noite”, comenta Misse Mota.

A menção honrosa vai para a Viação Garcia, outro projeto desenvolvido pela Missemota Arquitetura & Design. recentemente, a empresa ampliou a oferta de produtos ao incorporar à frota novos veículos double decker de 15 metros, passando a oferecer o serviço Cabine Cama.

Tendo como diferencial as poltronas que se transformam em verdadeiras camas individuais, o serviço disponibiliza algumas comodidades como kit conforto padrão do hotel Bourbon, composto por travesseiro e manta higienizados, kit lanche e entretenimento.

“O projeto enfatiza as vantagens do novo serviço como conforto”, afirma o designer.

Para facilitar a identificação do Cabine Cama pelo passageiro, foi criada uma pintura especial contendo uma imagem ampliada do ambiente interno com a cama 180 graus e uma pessoa confortavelmente acomodada, uma cortina ao fundo para dar privacidade e a assinatura Cabine Cama em fonte limpa em harmonia com a tipologia Viação Garcia. “Os tons estão alinhados com as cores-padrão da empresa. Por questões de segurança, e também para dar melhor visibilidade à noite, o monograma, os arcos e as marcas da empresa e do serviço são todos refletivos”, acrescenta Misse Mota.

METROPOLITANO – Os ônibus da Guarupass (Associação das Concessionárias de Transporte Urbano de Passageiros de Guarulhos e região) receberam um novo projeto de comunicação visual, com design de pintura nas cores azul, verde e amarelo, que atendem, respectivamente, às áreas 1, 2 e 3 da cidade. Os desenhos foram desenvolvidos pelo arquiteto e designer João de Deus Cardoso. “A identidade visual da Guarupass é um grande recurso para a rápida identificação rápida e correta dos percursos, devido à especificação das cores, textos e números. A frota de Guarulhos mostra à população o cuidado dedicado para oferecer serviços dignos e, certamente, serão criados vínculos entre as empresas e os usuários”, explica.

O idealizador do projeto conta que o respeito ao cidadão foi o principal fator na criação do novo design. “Escolhemos cores belas e duráveis que identificam as sub-regiões de atuação das empresas e participam, de forma notável e sensível, da qualidade visual das avenidas da cidade”, diz Cardoso. O projeto de identidade visual da Guarupass se estendeu a três empresas: Vila Galvão (cor verde), Viação Urbana (azul) e Campo dos Ouros (amarelo).

Os tetos dos veículos, que são as maiores áreas de pintura nas carrocerias, devem contribuir para o conforto térmico interno, de acordo com o especialista. “A frente e a traseira devem incrementar a visibilidade, com a pintura e iluminação artificial, para evitar acidentes. Como arquiteto, estudioso dos recursos de programação visual, aplicados a frotas de veículos, estou certo que não posso resolver todas as demandas da população. É grande a importância da regulamentação pública e da escolha dos empresários prestadores de serviços de qualidade para os usuários”, destaca Cardoso.

No primeiro semestre, Guarulhos passou a contar com 100 novos ônibus, equipados com GPS, biometria facial e rampa elevatória para acessibilidade, além de suspensão a ar, que absorve ainda mais o impacto do viário e melhora a condução do ônibus pelo motorista, trazendo mais conforto aos passageiros, e sistema Euro 5, que reduz as emissões de poluentes. Os ônibus têm chassi Mercedes-Benz e carroceria da Caio Induscar.

CARGA – A TGA Logística promoveu a revitalização da marca, com base nos conceitos de integração, entre as estradas nacionais e internacionais, e domínio de rota. A nova logomarca foi desenvolvida pela empresa paulistana Estúdio ô+sch. “Agradeço aos nossos colaboradores e fornecedores pelo empenho e esmero no trabalho de manutenção e adesivação dos veículos da empresa, bem como à equipe responsável pela criação do branding inovador que nos deu esta importante vitória”, afirma o diretor de frota do grupo TGA, Edmilson Gomes dos Santos.

A utilização do branding de apoio, com círculos interligados por pontos e retas, foi a solução encontrada para retratar a ideia de movimentação dos veículos pelas estradas, sugerindo segurança, flexibilidade, agilidade e inovação, de acordo com Claudia rachid, responsável pela comunicação e marketing do grupo TGA. “A cor azul, utilizada ao fundo da lona do sider e nos detalhes dos veículos, e o branco dos círculos e das linhas de rota remetem não apenas às cores da logomarca principal, mas também ao céu azul visto pelas estradas brasileiras e à neve nos picos das rodovias dos Andes, por onde trafegam os caminhões da empresa”, descreve.

Veja também

Por