Serviços conectados trazem rentabilidade às empresas

As soluções Scania direcionam-se à melhoria das operações de forma integrada, com foco na gestão de frota, incluindo manutenção dos veículos e comportamento na direção

“O que podemos oferecer para contribuir com a sustentabilidade dos negócios de nossos clientes hoje?”, questiona Alex Barucco, responsável pelos serviços conectados da Scania Brasil. Ao reduzir gastos desnecessários, limitar o consumo de combustíveis e peças e investir na formação dos motoristas, a empresa torna-se mais sustentável. A Scania dispõe de um pacote de serviços com foco na melhoria da gestão da operação, com ferramentas que possibilitam redução de custos, aumento de rentabilidade, informações confiáveis para a tomada de decisões, consultoria da fabricante e apoio da rede de concessionárias.

Para ajudar o cliente a obter o máximo da disponibilidade de sua frota, a Scania lançou o Fleet Care. O serviço funciona por meio de um gestor coordenado pela rede de concessionárias da marca, sendo baseado em cinco pilares principais. O primeiro é o gestor de frota. Para que as empresas possam se concentrar nas suas atividades essenciais, a equipe da rede da montadora dá apoio para o transportador.

Para cada cliente, é designado um gestor de frota Scania para cuidar de seus veículos.

O segundo pilar é o planejamento de serviços. O gestor de frota vai garantir que o cronograma de manutenção e a utilização dos veículos sejam adaptados para atender o cliente da melhor maneira possível, com foco nas manutenções preventivas e corretivas. Dessa forma, o transportador não vai precisar investir mais recursos para alguém fazer o planejamento de consertos. Este trabalho será auxiliado pelo gestor, que também vai monitorar os desvios, defeitos e a integridade dos veículos para rápida tomada de decisão e, assim, evitar problemas antes que ocorram panes. O Fleet Care cobre todos os custos de manutenções preventivas e corretivas.

O terceiro ponto são os veículos conectados com os programas de manutenção Scania. Outro quesito fundamental, o quarto pilar, são os motoristas. Parte da solução Scania também inclui a análise da influência deles na disponibilidade operacional.

O sistema de gestão detecta qual estilo de direção pode afetar diretamente este ponto. Assim, o gestor de frota, em conjunto com a concessionária, consegue oferecer o treinamento e o acompanhamento adequado.

“Um caminhão bem conduzido se desgasta bem menos, por isso é importante estar atento aos condutores, orientando-os da melhor forma possível”, lembra Barucco.

O quinto pilar é o relacionamento com as oficinas da rede Scania.

O gestor de frota será a conexão entre o cliente e todas as oficinas da rede da marca no Brasil e também com as eventuais estruturas dentro das instalações dos transportadores, os pontos de atendimento chamados de serviços dedicados, para efetuar atividades desde o agendamento e o planejamento dos recursos das oficinas, garantindo que o veículo fique o mínimo tempo parado. Essa gestão compartilhada permite até 75% de redução de tempo de permanência na oficina.

O portfólio da marca engloba serviços conectados, manutenção com planos flexíveis, driver services e o sistema Fleet Care.

“Todas essas soluções ajudam a aumentar a rentabilidade da empresa, trazendo mais eficiência às operações e diminuindo os custos”, afirma Barucco.

Com acesso a informações sobre o veículo, o gestor pode avaliar diversos aspectos, como estilo de condução do motorista, velocidade média, consumo de combustível e intervalos de manutenção.

O Fleet Care é o programa de manutenção e gestão mais completo da Scania. O sistema disponibiliza um opcional de garantia de disponibilidade, sendo que o cliente determina disponibilidade mínima e o período contratado.

A montadora oferece compensação em caso de indisponibilidade.

“O gestor de frotas está conectado ao veículo, ao motorista, às oficinas e à equipe que faz o planejamento do transporte”, destaca Barucco. Os driver services incluem treinamento dos motoristas, com base no uso dos dados de condução.

Os serviços conectados da montadora fornecem dados operacionais e de manutenção que podem ser visualizados por veículo, além de relatórios de tendências, geocercas, planejamento de serviços, diagnóstico remoto, gráficos de perfis de velocidade, quantidade de combustível nos tanques e nível de Arla 32. As informações sobre a forma de dirigir do condutor geram a avaliação e o ranking dos motoristas, com relatórios individuais.

A montadora também desenvolveu os aplicativos Scania Fleet, para o gestor e para os motoristas, que mostram a posição da frota no mapa, trazendo informações resumidas da operação por veículo, além da autoavaliação individual do motorista.

MANUTENÇÃO

“Com a conectividade e o uso inteligente dos dados, a Scania desenvolveu solução com planos flexíveis de manutenção individualizada e personalizada.

Revolucionamos o conceito de manutenção sob medida com os planos que possibilitam a otimização da manutenção, ciclos de manutenção realizada em módulos, pagamento apenas pelo quilômetro rodado e de acordo com o consumo de combustível, sem burocracia e data para acabar.

Com isso, é possível chegar a 16% de redução no custo de manutenção e até 20% de aumento na disponibilidade do veículo”, resume Barucco.

A solução pode ser adquirida em diferentes tipos de pacote: o mais básico é o modelo análise, que não acarreta custos para o cliente por dez anos e faz o planejamento dos serviços de revisão e manutenção, diagnóstico remoto e relatórios de tendências (consumo, condução e desgaste do veículo) semanais, mensais e anuais. Já o pacote desempenho faz uma leitura mais completa de dados da operação, monitora o estilo de condução do motorista, demonstrando precisamente os pontos de melhoria da operação. Uma série de funcionalidades está incluída como posicionamento e trajetória dos veículos, gráficos de perfis de velocidade, níveis de combustível e Arla 32, geocercas virtuais, desempenho e comparação dos veículos, avaliação e ranking dos motoristas.

No pacote desempenho, o gestor conta com mais de 30 parâmetros para identificar a forma de condução de seus motoristas.

Os programas de manutenção também podem ser periódicos ou flexíveis, de acordo com as necessidades de cada negócio.

As manutenções são agendadas na concessionária mais próxima da empresa ou veículo, para dar mais rapidez ao serviço.

As vantagens dos planos flexíveis são várias, segundo Barucco, pois o cliente paga apenas pelos quilômetros rodados, a redução com custos de manutenção chega a 16%, ocorre aumento do intervalo entre manutenções, a faixa de cobrança é mais dinâmica e o Scania driver services reduz consumo de combustível em 10%. “A condução inteligente e sustentável é rentável: a condição consciente aumenta a eficiência do veículo.

A sustentabilidade do negócio se dá, pois o aprimoramento da forma de dirigir limita o consumo de combustível e gera menor desgaste de peças e componentes do caminhão. Além disso, proporciona mais segurança nas estradas, já que a condução mais segura reduz acidentes e previne gastos inesperados”, comenta Barucco.

Por