Guarujá renova sistema de transporte

Empresa vencedora da licitação na cidade do litoral paulista adquire 121 novos ônibus com ar-condicionado e serviço de wi-fi e implementa sistema de bilhetagem eletrônica

A administração municipal do Guarujá, no litoral paulista, assinou em 26 de outubro do ano passado, o contrato com uma nova empresa de transporte coletivo, a City Transporte Urbano Intermodal, vencedora da licitação e que está em operação desde o dia 1º de fevereiro. De acordo com a prefeitura, “as reclamações da população sobre a qualidade do serviço prestado pela antiga empresa, a Translitoral Transporte, como atrasos nos coletivos, motivaram a administração a pedir que a nova empresa antecipasse o início das suas atividades, que inicialmente estava previsto para o mês de julho”.

Mais de 80 mil pessoas utilizam o transporte público do Guarujá todos os dias. A concessão será pelo período de 15 anos, em lote único, para a prestação do serviço de transporte público coletivo de passageiros. A empresa City Transporte Urbano Intermodal se comprometeu a realizar diversas melhorias e investimentos no sistema viário. A expectativa do poder público é de que Guarujá passe a ser uma referência em tecnologia viária e integração modal. O investimento é de aproximadamente R$ 197 milhões.

A renovação da frota, que é composta por 125 veículos, seguiu um cronograma de transição, com duração de seis meses. Em uma primeira fase, foram entregues 40 modelos novos. Atualmente, já são 121 ônibus zero quilômetro, acessíveis, com ar-condicionado e wi-fi para acesso dos passageiros à internet. A idade média da frota é de seis meses. Todos os novos veículos têm carroceria Caio e chassi Mercedes-Benz. Os aportes para aquisição ônibus foram de R$ 50 milhões, de acordo com a City Transporte.

Houve ainda uma reorganização das linhas existentes. Agora, são 26 linhas distribuídas por cinco áreas: Guaiuba, Vicente de Carvalho, Enseada, Morrinhos e Perequê. A rede de transporte ganhou 15 linhas novas e onze foram mantidas.

O sistema de bilhetagem eletrônica é da Prodata Mobility Brasil. Em fevereiro, forma emitidos 75 mil cartões, que se dividem em vale-transporte, estudante, cidadão, sênior, passe livre e especial. Ainda não há integração com transporte de balsas, que é um serviço da Dersa.

A estrutura do sistema de transporte também passou por melhorias como a revitalização dos terminais Ferry-Boat e Vicente de carvalho, além da reforma e modernização de 139 pontos de parada.

A prefeitura assinou o Decreto 13.081, que institui o Serviço Público Especial de Transporte de Pessoas com Deficiência em Veículos Adaptados (Avant). A iniciativa está integrada ao serviço público regular de transporte coletivo de passageiros e será organizada pela Diretoria de Trânsito e Transporte Público de Guarujá (Ditran). “É mais uma conquista para nossa cidade, bem como para os pacientes da internação domiciliar, pessoas com insuficiência renal, respiratória e cardíaca, que precisam tanto de um apoio”, afirmou o prefeito Válter Suman.

O Avant destina-se ao transporte gratuito de pessoas com deficiência que dependem de cadeira de rodas para sua locomoção ou apresentem comprometimento severo da mobilidade, o que inviabiliza o acesso e o uso do transporte público coletivo convencional.

Os usuários irão contar com duas modalidades de serviço, sendo uma regular, com uma programação de viagens fixas, e outra eventual, para viagens esporádicas, visando auxiliar a realização de tratamento de saúde, consultas médicas e exames.

O regulamento do serviço especial Avant será feito por resolução conjunta das Secretarias de Defesa e Convivência Social e Saúde. Serão descritos os procedimentos de cadastramento, regras de utilização, sanções, prazos e demais normas necessárias à operacionalidade do sistema.

Veja também

Por