Porto Itapoá capta R$ 750 milhões para investimentos em ampliação

Em 2021, o porto deu início a um projeto de captação de recursos no mercado financeiro para viabilizar um acréscimo de capacidade de sua estrutura para 1,6 milhão de TEU

Em 2021, ao completar dez anos de operação, o porto Itapoá se consolidou como o quinto maior porto do Brasil em movimentação de contêineres, com crescimento de mais de 12% em relação a 2020.

Desde 2018, o empreendimento possui uma capacidade de movimentação de 1,2 milhão de TEU por ano. Em 2021, o porto deu início a um projeto de captação de recursos no mercado financeiro para viabilizar um acréscimo de capacidade de sua estrutura para 1,6 milhão de TEU, o que deve ser uma das maiores capacidades operacionais entre os portos de contêineres do país.

O plano de expansão do terminal portuário ampliará a área de pátio em mais 200 mil m², e o porto Itapoá passará a contar com uma área total de pátio de 450 mil m².

No dia 17 de dezembro o projeto de captação de recursos foi concluído, culminando com a captação de R$ 750 milhões, por meio da emissão de debêntures incentivadas, processo esse coordenado pelo BTG, com participação da XP. A consolidação do financiamento avançou principalmente em função da saúde financeira da empresa, como a evidente liquidez e geração de caixa, somada ao planejamento operacional e comercial do terminal.

Por