MAN cria campanha para marcar sua nova fase

Na tentativa de minimizar o impacto da crise política e econômica, a MAN Latin America decidiu “virar a chave” iniciando uma campanha para marcar a nova fase da empresa no Brasil. “O momento é grave. A indústria de caminhões e ônibus vive a pior crise de vendas das últimas décadas. Os volumes retrocederam aos do século passado e o mercado brasileiro encolheu 70% desde 2011”, afirma Roberto Cortes, presidente e CEO da MAN Latin America.

Cortes destaca que todos os ajustes necessários foram realizados e que a empresa renovou o compromisso de oferecer produtos sob medida a mais de 30 países da América Latina e África. “Queremos virar a chave para retomar o crescimento”, frisa Cortes.

Apesar do cenário de instabilidade, a empresa mantém o seu programa de investimento no país de R$ 1 bilhão anunciado em 2012, aplicando parte deste recurso, que totaliza R$ 400 milhões, até 2017.

Ainda este ano estão previstas as entregas da primeira pista de testes de rodagem do Grupo Volkswagen na América Latina, do primeiro dinamômetro para testes de motores em Resende (RJ), e do novo Centro de Treinamento para a qualificação da rede e de clientes em São Bernardo do Campo (SP).

O novo laboratório de testes de motores em bancada dinanométrica de última geração, além da homologação para novas potências e torques, o empreendimento vai possibilitar projetos de motorizações no próprio país. O investimento está em linha com a estratégia da montadora de ter no Brasil seu centro mundial de desenvolvimento de caminhões e ônibus Volkswagen.

Leia  a matéria  completa  na Technibus nº124 no  Acervo Digital OTM

 

Veja também

Por