Volvo Buses recebe o maior pedido de seus ônibus 100% elétricos

A empresa AtB, gestora de transporte público na cidade norueguesa de Trondheim, abre o caminho para a introdução de tecnologias de propulsão alternativas. Em 2010 esteve entre as primeiras cidades na Europa a adquirir ônibus híbridos da Volvo. Os novos ônibus totalmente elétricos irão circular em quatro linhas de Trondheim, cobrindo distâncias entre 12 km e 15 km cada, com a operação a ser iniciada em agosto de 2019. Com a aquisição pela operadora Tide Buss de um total de 35 ônibus elétricos, incluindo os 25 modelos Volvo, a cidade terá a maior frota de ônibus elétricos da Noruega.

“Este é um marco para o nosso compromisso de longo prazo com a transformação de eletromobilidade do transporte público. Estamos satisfeitos em estabelecer o primeiro Sistema de larga escala de ônibus 100% elétricos na Noruega em cooperação com a Tide Buss, uma pioneira em transporte urbano sustentável. A operação de ônibus movidos a eletricidade é a solução mais eficiente em termos energéticos e contribui para um ambiente bem melhor para todos que moram, viajam ou passam algum tempo na cidade. Esta é uma tendência que naturalmente queremos impulsionar”, afirma Hakan Agnevall, presidente da Volvo Buses.

“Estamos realmente contentes em continuar a expandir nossas operações em Trondheim, onde temos trabalhado com a AtB desde 2010. Estamos firmemente comprometidos com a eletrificação do transporte público e esta iniciativa tem grandes implicações para nós, servindo de modelo não apenas na Noruega, mas também por toda a Europa. O que é importante para nós quando escolhemos uma fornecedora não são apenas os produtos líderes no mundo e as condições competitivas da Volvo, mas também a confiança que temos na organização Volvo como uma parceira estável de sistemas que oferece elevada segurança nas nossas operações diárias”, enfatiza Jan-Helge Sandvag, diretor técnico da Tide Buss.

Os ônibus totalmente elétricos estão sendo vendidos em um pacote completo em que a Volvo cuida de toda a manutenção dos veículos e das baterias a um custo mensal fixo. Os ônibus terão recarga rápida usando recarga oportuna, via equipamentos instalados nos extremos das linhas. As estações de recarga vão se basear em uma interface conhecida como OppCharge, que significa que pode ser usada por ônibus eletrificados de outras marcas. Os ônibus vão operar com energia renovável totalmente livre de emissões. O consumo energético dos ônibus totalmente elétricos Volvo é de cerca de 80% do que exigem os ônibus a diesel equivalentes.

Esses modelos 100% elétricos da Volvo foram adquiridos anteriormente por cidades como Malmö (Suécia), Differdange (luxemburgo) e Harrogate (Reino Unido). Além dos ônibus 100% elétricos, a Volvo a linha de veículos eletrificados da Volvo Buses inclui modelos híbridos e elétricos híbridos (plug-in). No total a empresa vendeu mais de 3.600 ônibus eletrificados no mundo.

A cidade de Marselha, na França, está iniciando um projeto piloto com um ônibus elétrico híbrido, com duração de um mês, e será conduzido pela empresa de transporte metropolitana RTM.

A cidade é a primeira do país a testar o ônibus elétrico híbrido Volvo, com o conceito de recarga rápida da bateria do motor elétrico nos pontos de embarque e desembarque e o uso de biocombustível. Os testes estão sendo feitos em operação real em uma linha regular.

O Volvo elétrico híbrido opera silenciosamente e livre de emissões, no modo 100% elétrico, por cerca de 8 km. A bateria do motor elétrico é abastecida nas estações de recarga rápida, nos pontos finais dos ônibus em cooperação com a empresa ABB, levando de três a seis minutos. Recentemente a Volvo vendeu 90 ônibus elétricos híbridos para a Bélgica.

CINGAPURA – A LTA, autoridade de transporte terrestre de Cingapura, fez uma encomenda de 50 ônibus híbridos Volvo 7900, dando continuidade aos seus esforços para formar uma frota de ônibus urbanos mais corretos ambientalmente.

“Os usuários não só podem esperar viagens mais silenciosos e suaves, os motoristas também terão um ambiente de trabalho mais confortável. Para preparar nossa equipe de trabalho para esta mudança, a LTA vai se empenhar com nossas parceiras do setor para ajudar a elevar o nível dos nossos profissionais de ônibus por meio da Academia de Ônibus de Cingapura”, informaram representantes da LTA.

Os ônibus híbridos Volvo 7900 consomem 30% menos de combustível e têm um impacto ambiental correspondentemente menor do que um ônibus movido a diesel, e apenas a metade de emissões de óxido de nitrogênio e particulados.

 

Cingapura é considerada uma das líderes em transporte público na região de Ásia-Pacífico. Muitos países procuram aprender com a experiência de Cingapura e ampliar sua oferta de serviços de transporte público. A Volvo Buses é uma bem respeitada e forte parceira de operadoras de transporte público em Cingapura.

“Esses ônibus oferecerão aos participantes dos sistemas em toda a região a oportunidade de experimentar e compreender essas tecnologias e vão sustentar Cingapura como “uma visita obrigatória” na agenda de autoridades e operadores na região, comentou Akash Passey, vice-presidente da, Volvo Buses Região Internacional.

Os 50 ônibus, movidos por um motor a diesel bem como por energia de bateria, entrarão em operação gradualmente até o segundo semestre de 2018.

By