Adelino Bissoni, diretor executivo do Grupo Botuverá: “No início do ano estávamos animados, mas o aumento no preço do combustível e o roubo de peças têm nos preocupado”

A empresa terminou o ano de 2021 com 210 caminhões na frota, que é composta por modelos Scania 500/540 6×4, Mercedes 2651 6×4 e Volvo 540 6×4

O Grupo Botuverá atua na área de transportes, agricultura, pecuária e combustíveis. Na agricultura, cultiva mais de 35 mil hectares de soja, milho, arroz, milheto, sorgo, eucalipto e seringueira, e na área combustíveis, está presente tanto no segmento de revenda como no transporte. 

Transporte Moderno – O que o Grupo Botuverá espera de 2022? 

Adelino Bissoni – No início do ano, estávamos animados, mas o aumento no preço do combustível e o roubo de peças têm nos preocupado. 

Transporte Moderno – No segmento agrícola, qual produto deverá impulsionar as atividades da Botuverá neste ano? 

Adelino Bissoni – Neste ano, esperamos maior movimentação de soja, milho e fertilizantes.  

Transporte Moderno – A empresa tem planos de ampliar a frota de caminhões? 

Adelino Bissoni – Para este ano, as adequações já foram feitas e não temos investimentos previstos. Por hora, estamos sempre conversando, mas os preços dos veículos e as taxas de juros não fecham as contas no nosso segmento. 

Transporte Moderno – Que modelo a empresa teria intenção de comprar e em que operação será usado os caminhões? 

Adelino Bissoni – Se eu for comprar, será o modelo 6×4 para o transporte de produtos agrícolas. 

Transporte Moderno – A empresa está testando algum caminhão em suas operações? 

Adelino Bissoni – Sim, estamos testando um caminhão Scania e um Mercedes-Benz.  

Transporte Moderno – Como estão as exportações de soja?

Adelino Bissoni – Este ano, mais de 70% deve ter como destino a China.  

Transporte Moderno – Como foi o desempenho da Botuverá em 2021? 

Adelino Bissoni – Apesar das dificuldades provocadas pela Covid-19, o saldo foi positivo, conseguimos aumentar em 25% o volume de carga transportada. 

 Transporte Moderno – Quais são os produtos transportados pela empresa? 

Adelino Bissoni – Transportamos soja, milho, algodão, insumos (calcário, fertilizantes e defensivos), combustíveis e contêineres. 

Transporte Moderno – Qual produto teve maior volume de carga em 2021? 

Adelino Bissoni – O maior volume transportado no ano passado foi de soja e milho.   

Transporte Moderno – A empresa ampliou a área de plantio? 

Adelino Bissoni – Sim, de 33 mil para 36 mil alqueires. Agora estamos fazendo mais integração da lavoura com a pecuária e aumentamos o plantio de milho. 

Transporte Moderno – A empresa incrementou a produção de outros produtos também?  

Adelino Bissoni – Além de elevar a produção de milho para a segunda safra, aumentamos a de capim para integração com lavoura.  

Transporte Moderno – Como está a criação de gado? 

Adelino Bissoni – Estamos aumentando a criação de gado. Ainda não chegamos nos números finais, mas estamos cumprindo o planejamento.  

Transporte Moderno – A Botuverá encerrou 2021 com quantos veículos pesados na frota? 

Adelino Bissoni – Fechamos 2021 com 210 caminhões – Scania 500/540 6×4, Mercedes 2651 6×4 e Volvo 540 6×4 – todos rodotrem. 

Transporte Moderno – Como você avalia a situação do setor que a sua empresa atua e quais as perspectivas? 

 Adelino Bissoni – Estamos confiantes no aumento de mercadoria para ser transportada, mas o Brasil precisa andar com as reformas para voltar a crescer, tenho dito sempre, menos estado mais o povo. 

Por